Show simple item record

dc.contributor.authorSantos, Sóstenes Fernandes dospt_BR
dc.date.accessioned2021-02-14T00:25:05Z
dc.date.available2021-02-14T00:25:05Z
dc.date.issued2020pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.unaerp.br//handle/12345/238
dc.description.abstractNos dias atuais a busca por aproveitamento energético de resíduos, principalmente agrosilvopastoris, apresenta um crescimento acentuado, por motivos ambientais e econômicos. O processo produtivo sucroalcooleiro gera diversos produtos, subprodutos, resíduos e insumos capazes de abastecer um mercado bem diversificado, e o bagaço se destaca por ser o maior resíduo gerado na agroindústria da cana-de-açúcar. Ele é um resíduo resultante do esmagamento da cana nas moendas. Estudos estimam que cada tonelada de cana moída geram em torno de 30 a 40% do agroresíduo, por isso o interesse no aproveitamento para fins energéticos, e considerando esta disponibilidade, a presente pesquisa investiga a potencialidade do bagaço por meio da aplicação do processo termoquímico que atende a aplicação tecnológica e ambiental. Para caracterizar a biomassa fisicamente e quimicamente as amostras foram preparadas, trituradas, homogeneizada, realizadas as análises densidade, cinzas, material volátil e carbono fixo, analise elementar (carbono, hidrogênio, nitrogênio e enxofre). A fabricação de briquetes do bagaço é primeiro passo para a realização do processo termoquímico do agroresíduo e assim poder submeter ao reator de leito fixo. O reator foi operado em regime de batelada, sendo empregado vapor de água como gás de arraste. A biomassa foi pirolisada nas condições de 500º C e 550ºC, com 10 ºC/min de taxa de aquecimento, 4 mL/min de vazão inerte e 30 min de tempo de reação do processo.. Para avaliar os rendimentos do carvão utilizou-se o planejamento experimental multivariável 22 – Delineamento Composto Central Rotacional (DCCR) com 3 experimentos no ponto central, 2 fatores no sistema pirolítico com 11 tipos de combinações entre os fatores, utilizando as temperaturas de 360, 400, 500, 600 e 640ºC, Para caracterizar o carvão obtido do processo pirolítico, determinou-se a Análise Elementar (CNHS) e Cromatografia Gasosa com Espectrometria de Massas (CG/EM), também foi realizado o teste de adsorção para o carvão com corante azul de metileno, empregando uma solução de corante de 2mg/L e 10 mg/L. Os porcentuais de perda cinética de massa do bagaço in natura foram 46, 50 e 51 % respectivamente, e o teor de umidade ficou abaixo de 10%, o que influencia no consumo de energia do processo. O rendimento do carvão foi de 43,93% e 42,07% e o bio-óleo por sua vez teve rendimento de 30,96% e 31,35% nas mesmas condições de processo. A análise estatística simulou as variâncias equivalentes para a produção de bio-óleo e carvão e não houve diferenças significativas de médias nos dois tratamentos empregados a nível de 95 % de confiança. O maior rendimento de carvão foi obtido no oitavo experimento com 62,3%, operado a 360oC e tempo de reação de 45 min. A máxima quantidade de carvão foi obtida em condições de baixa temperatura, conforme observado na superfície de resposta. Para confirmação da significância dos parâmetros realizou-se a análise da ANOVA e Teste F e constatou-se uma regressão significativa de 0,9176 pelo coeficiente de determinação (R2 ) para a produção de carvão. Observou-se que os teores de carbono foram expressivos e este componente é muito importante para prever o rendimento e a qualidade do carvão produzido. O carvão ativado do bagaço de cana-de açúcar se mostrou eficiente para adsorção de azul de metileno por apresentar remoção de 92% em 600 minutos e vazão de 5 ml/min.
dc.relation.ispartofDoutorado em Tecnologia Ambientalpt_BR
dc.titleAproveitamento do bagaço da indústria da cana-de-açúcar como incremento à matrizpt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.contributor.advisorOliveira, Luciana Rezende Alves dept_BR
dc.identifier.codacervo149956pt_BR
dc.identifier.filename00000939.pdfpt_BR
dc.identifier.linkpergamumhttp://pergamum.unaerp.br:8080/pergamumweb/vinculos/000009/00000939.pdfpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantenedor
UNAERP
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons